HORÁRIO DE ATENDIMENTO De segundas às sextas-feiras,
das 7h30min às 11h30min, 13h às 17h

Em cinco meses, Administração Municipal de Teutônia investiu R$ 10 milhões na saúde

Cirurgias, consultas, exames e serviços de urgência e emergência estão entre os investimentos na área, além da manutenção das estruturas, dentre elas, o Ambulatório de Atenção Básica, que teve o horário ampliado desde ano passado

10 de junho, 8h45min

Édson Luís Schaeffer
A saúde já recebeu mais de R$ 10 milhões de investimento nos cinco primeiros meses de 2019
A saúde já recebeu mais de R$ 10 milhões de investimento nos cinco primeiros meses de 2019

A saúde tem sido uma das principais áreas de atenção da Administração Municipal de Teutônia, oferecendo um trabalho cada vez mais humanizado e procurando atender os anseios da população teutoniense. Por isso, nos cinco primeiros meses de 2019, já foram investidos mais de R$ 10 milhões na saúde, para cirurgias, exames, consultas, serviços de urgência e emergência e manutenção da estrutura.
Segundo o prefeito, Jonatan Brönstrup, a Administração Municipal outorga, com maior evidência, na saúde a proposta de governo. “A Secretaria de Saúde precisava de um olhar humano, de estar mais perto das pessoas. Por isso, nos comprometemos a investir nas pessoas e, na saúde, estamos consolidando esse compromisso. Prova disso é o investimento superior a R$ 10 milhões já nos primeiros cincos meses deste ano. Estamos cumprindo com aquilo que nos comprometemos com a comunidade: melhorar a qualidade de vida da população”, enaltece.
O orçamento previsto para a Secretaria de Saúde é de R$ 32.316.202,00. De 1º de janeiro de 2019 a 31 de maio, já foram investidos R$ 10.008,874,07, em cirurgias, exames, consultas, serviços de urgência e emergência e manutenção da estrutura, onde estão inclusos despesas de água, luz, telefone, médicos, medicamentos, demais servidores da Secretaria de Saúde, entre outros.
Segundo a Secretaria de Saúde, de 1º de janeiro a 31 de maio, foram 40.766 consultas nas 10 unidades vinculadas à Secretaria de Saúde:
– 10.810 no Centro Avançado de Saúde do Bairro Canabarro;
– 9.108 no Ambulatório de Atenção Básica, no Bairro Canabarro;
– 6.339 na Unidade Sanitária do Bairro Languiru;
– 3.451 no Posto de Saúde do Bairro Teutônia;
– 3.364 no ESF 2 (Morada do Sol – Loteamento 8);
– 2.315 no Posto de Saúde do Bairro Alesgut;
– 1.916 na Casa Mental, no Bairro Canabarro;
– 1.700 no ESF 1 (Raio de Luz – Bairro Canabarro);
– 1.319 na Unidade Básica de Saúde do Bairro Boa Vista;
– e 444 no ESF 3 (Aurora – Bairro Canabarro).

Foto: Édson Luís Schaeffer
Ambulatório de Atenção Básica tem atendimento das 7h às 22h

Dentre a manutenção das estruturas está o Ambulatório de Atenção Básica, no Bairro Canabarro, que, de 1º de janeiro a 31 de maio, teve 9.108 consultas e 21.407 procedimentos ambulatoriais. A unidade foi aberta no início de maio de 2018, onde funcionava, antigamente, o Pronto Atendimento do bairro e, posteriormente, as Estratégias de Saúde da Família 1 e 3 (que foram integradas ao Centro Avançado de Saúde com a abertura do Ambulatório).
Inicialmente, o atendimento no Ambulatório de Atenção Básica era das 7h às 20h. Desde o dia 2 de julho de 2018, o atendimento foi ampliado até as 22h. Com isso, são 25 horas semanais a mais de atendimento à população teutoniense. A abertura do Ambulatório de Atenção Básica também desafogou a demanda do Pronto Atendimento do Hospital Ouro Branco, no Bairro Languiru.
Conforme a casa de saúde, somente em 2018, comparando com 2017, houve uma redução de 2.008 consultas no Pronto Atendimento, o que equivale a -7%. “Com certeza a abertura e ampliação do horário do atendimento no Bairro Canabarro é importante para permitir especialmente aqueles pacientes que no hospital são classificados como de não urgência possam ter um atendimento mais rápido lá, já que não no hospital nossa prioridade é para urgências e emergências. O importante é a conscientização da população de sempre buscar o primeiro atendimento no seu Posto de Saúde e somente vir ao hospital para casos de urgência”, frisa o diretor-executivo do Hospital Ouro Branco, André Lagemann.
O clínico Humberto de Alencar Oliveira da Costa, que também atua na rede de atenção básica, observa que o ambulatório aberto até as 22h está agradando a comunidade teutoniense. “Uma satisfação do usuário do posto saúde que sente atendido e acolhido em ohorário alternativo, com a proposta de que não precisa faltar ao expediente de trabalho para se consultar ou levar seu familiar para consulta. Agradou usuários e também proprietários de empresas quando diminui número de faltas ao serviço. E, ainda, agradou aos médicos, que podem também cumprir a carga horária em horários alternativos”, avalia.
O secretário de Saúde, Hélio Brandão, coloca que o Ambulatório de Atenção Básica era uma carência da comunidade teutoniense e, em especial, do Bairro Canabarro. “Casos que não precisam do atendimento hospitalar de urgência estão sendo atendidos no Bairro Canabarro, sem precisar agendar horário. Pessoas com febre, com gripe, com uma dor estão tendo um atendimento mais próximo, sem precisar se deslocar até o Bairro Languiru. Esse trabalho humano em toda a nossa rede só se faz com investimentos, como os mais de R$ 10 milhões já investidos em 2019 na saúde”, frisa.
O Ambulatório de Atenção Básica atende casos como febre, mal estar, entre outros, que não se enquadrem como urgência e emergência. Havendo a necessidade, a ambulância da Secretaria de Saúde transportará o paciente até o hospital. O atendimento no ambulatório é de livre demanda, isto é, não é preciso agendar a consulta ou enfrentar fila para retirar uma ficha de atendimento.

CRÉDITOS DO TEXTO: Édson Luís Schaeffer