Cantos e encantos dos corais ecoam por Teutônia

Em torno de 100 vozes participaram do Festival de Coros promovido pelo Coral Municipal de Teutônia

25 de novembro, 10h19min
Édson Luís Schaeffer
Apresentação conjunta dos corais Municipal de Teutônia e Fundação Casa das Artes encerrou a noite
Apresentação conjunta dos corais Municipal de Teutônia e Fundação Casa das Artes encerrou a noite

Os cantos e encantos dos corais ecoaram pela igreja da Comunidade Católica Cristo Rei, no Bairro Languiru, na noite deste domingo, dia 24 de novembro. Em torno de 100 vozes evidenciaram a tradição do canto coral durante o 37º Festival de Coros de Teutônia, trazendo canções dos diversos gêneros musicais, incluindo músicas natalinas.
O encontro foi organizado pelo Coral Municipal de Teutônia e pela Secretaria de Juventude, Cultura, Esporte e Lazer. A programação contou com a apresentação de cinco coros, mostrando o porquê Teutônia ostenta o título de Capital Nacional do Canto Coral.

Foto: Édson Luís Schaeffer
A tradição do Canto Coral esteve em evidência

A abertura das apresentações foi realizada pela Associação de Canto Cristo Rei, do Bairro Languiru, que tem na regência Leandro Ahlert. No repertório, “Agnus Dei” e “Rot sind die Rosen”. Em seguida, foi a vez do Coro Fundação Casa das Artes, de Bento Gonçalves, sob a regência de Gerson Souza, apresentar quatro canções: “Natal todo dia”, “Trevo”, “Gaudêncio 7 luas” e “Evidências”.

Foto: Édson Luís Schaeffer
Associação de Canto Cristo Rei
Foto: Édson Luís Schaeffer
Coro Fundação Casa das Artes

Na sequência, sob a regência do maestro Ademir Camargo, o Coro Resonare, de Passo Fundo, trouxe à igreja Cristo Rei as canções “Kyrie”, “Agnus Dei”, “The Lord bless you and keep you” e “Tollite Hóstias”. Logo após, o Coral Masculino de Bom Princípio, sob regência do maestro Bernardo Schneider, encantou o público com as canções “Coro dos caçadores”, Fliege mit mir in die Heimat”, “Só rancheiras” e “O du fröhliche”.

Foto: Édson Luís Schaeffer
Coro Resonare
Foto: Édson Luís Schaeffer
Coro Resonare
Foto: Édson Luís Schaeffer
Coral Masculino de Bom Princípio

E por fim, foi a vez do Coral Municipal de Teutônia. Criado em 1983 com o objetivo de manter e qualificar a tradição legada pelos colonizadores alemães, o coral conta com a regência do maestro Martin Altevogt desde 2009. No seu repertório da noite, “Canção do Amigo” (com direito a flash mob), “Merceditas”, “Disparada” e “A paz”.

Foto: Édson Luís Schaeffer
Coral Municipal de Teutônia

O 37º Festival de Coros encerrou com a apresentação conjunta dos corais Municipal de Teutônia e Fundação Casa das Artes. Por se tratar da época de Natal, o grande grupo entoou o “Festival de canções”, com músicas tradicionais natalinas.
Segundo o maestro e regente Martin Altevogt, o principal objetivo do Festival de Coros é a integração. “É um momento de confraternização. Temos coros com vários perfis, cada um trazendo o seu jeito de fazer canto coral. Essa confraternização é para poder trocar experiências e vivências. Somos a Capital Nacional do Canto Coral, ou seja, somos uma cidade que vive o canto coral. Hoje foi o momento de coroar esta linda tradição”, frisou.

Foto: Édson Luís Schaeffer
A tradição do Canto Coral esteve em evidência

CRÉDITOS DO TEXTO: Édson Luís Schaeffer


Impresso em 9 de dezembro de 2019, 02h01min de:
https://www.teutonia.rs.gov.br/noticias/cantos-e-encantos-dos-corais-ecoam-por-teutonia/