HORÁRIO DE ATENDIMENTO De segundas às sextas-feiras,
das 7h30min às 11h30min, 13h às 17h

Conhecidos os campeões da 14ª Copa Teutônia Cooperativa Languiru de Futebol

Finais ocorreram nesta quinta-feira, dia 23, no campo do Esperança

23 de janeiro, 19h41min

Édson Luís Schaeffer
Finais movimentaram o campo do Esperança
Finais movimentaram o campo do Esperança

Na quinta-feira, dia 23 de janeiro, ocorreram as finais da 14ª Copa Teutônia Cooperativa Languiru de Futebol. Na oportunidade, foram conhecidos os campeões e os destaques de cada uma das seis categorias, com exceção da Sub-12, que teve a sua final na terça-feira. Certame iniciou no dia 17, com participação de mais de 1.700 atletas de 86 equipes de 30 clubes do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e da Argentina. Ao todo, 163 jogos foram disputados.

As partidas finais foram disputadas no campo do Esperança, no Bairro Languiru. Pela categoria Sub-17 (2003), GE Brasil, de Pelotas, venceu o EC Novo Hamburgo por 4 a 1 nos pênaltis, sendo o que o jogo normal terminou em 0 a 0. Na categoria Sub-16 (2004), o CFA Manchister, de Palhoça (SC), sagrou-se campeão ao vencer a SER Caxias, de Caxias do Sul, por 4 a 3, sendo que o jogo normal terminou em 0 a 0.

Pela categoria Sub-15 (2005), o EC São José B, de Porto Alegre foi o campeão do certame ao vencer a AERC Juventus, de Teutônia, por 3 a 2.  EC São José A sagrou-se campeão na categoria Sub-14 (2006) ao vencer o EC Novo Hamburgo por 6 a 5 nos pênaltis. O jogo normal terminou em 0 a 0. E na categoria Sub-13 (2007), a taça foi para a AERC Juventus, de Teutônia, que venceu ALE/CE Lajeadense por 2 a 0.

Foto: Édson Luís Schaeffer
Finais movimentaram o campo do Esperança

Já a final da categoria Sub-12 (2008) ocorreu na terça-feira, dia 21, no campo da no campo da Associação dos Funcionários da Elegê Alimentos, no Bairro Languiru. Na ocasião, a equipe teutoniense AERC Juventus sagrou-se campeã ao vencer o Pedro Osório Galera, de Pedro Osório, por 2 a 1.

Durante toda a semana, os jogos movimentaram as praças esportivas do Gaúcho (Bairro Teutônia), Elegê (Bairro Languiru), Atlético Gaúcho (Bairro Canabarro), União (Linha Germano), Cruzeiro (Bairro Languiru), Esperança (Bairro Languiru), Fluminense (Linha Harmonia), Alto Taquari (Linha São Jacó), Lawi (Linha Wink), Ouro Verde (Bairro Alesgut) e Ribeirense (Linha Ribeiro). Durante este período, os atletas receberam três refeições diárias, tendo como praça de alimentação a Associação Pró-Desenvolvimento do Bairro Languiru.

Foto: Édson Luís Schaeffer
Finais movimentaram o campo do Esperança

Para o diretor do Planeta Bola, Rubens Andrade Dias, a 14ª edição da Copa de Teutônia foi de alto nível. “Tivemos uma copa tranquila para as equipes, para a comissão organizadora e que deixa a sua marca na cidade e nos campos em que passou. A qualidade subiu muito nos jogos, ou seja, os times se qualificaram mais para participar. Estamos muito contentes com esta 14ª edição, especialmente pela nova parceria com a Cooperativa Languiru, que representa a essência de Teutônia. A tendência é que Copa Teutônia cresça ainda mais”, sublinhou.

O prefeito, Jonatan Brönstrup, ressaltou que a competição evidenciou uma das principais marcas de Teutônia: o cooperativismo. “As equipes mostraram, dentro de campo, que somente unidos, somente quando um coopera com outro que vencemos grandes batalhas e belíssimos jogos. Nem todos saem com a taça na mão, mas todos são campeões, pois se comprometeram e vestiram a camiseta de seus clubes, dando o melhor de si. Como consequência, contribuíram para que o evento fosse um sucesso”, sublinhou.

Conforme Alexandre Schneider, representante da Cooperativa Languiru, a parceria com o certame foi mais que acertada. “A competição atingiu o seu objetivo em termos de organização e, principalmente, em termos de engajamento, tanto dos jovens que estão aqui, pelo transbordamento do espírito esportivo dentro e fora de campo, levando isso à comunidade de toda a região. E isso agrada muito a Cooperativa Languiru. Inclusive já falamos novamente da possibilidade de estreitar esta parceria e renová-la para o próximo ano”, enalteceu.

Para o secretário de Juventude, Cultura, Esporte e Lazer, Jean Marcos Galvão, a Copa Teutônia Cooperativa Languiru é uma competição consolidada no município. “Nos orgulhamos de sediar um evento deste porte, que revela verdadeiros talentos no futebol. Uma competição que tem como marca a integração e o respeito entre atletas, comissões técnicas e equipes, em que o maior troféu é ter participado da Copa Teutônia. Esperamos a todos para a 15ª edição”, frisou.

A realização da Copa Teutônia foi da Administração Municipal, através da Secretaria de Juventude, Cultura, Esporte e Lazer e Secretaria da Educação, com a organização do Planeta Bola, empresa que realiza as competições de categoria de base em diversas cidades do Brasil. Neste ano, a competição teve novamente como grande parceira a Cooperativa Languiru.

Foto: Édson Luís Schaeffer
Finais movimentaram o campo do Esperança

 

 14ª COPA TEUTÔNIA COOPERATIVA LANGUIRU DE FUTEBOL

 

>>> CATEGORIA SUB-12 (2008)

 

– Campeão: AERC Juventus, de Teutônia

– Vice-campeão: Pedro Osório Galera, de Pedro Osório

 3º lugar: Craques Craques da Bola/Manchester, de Salvador do Sul

– 4º lugar: Tupi Crissiumal, de Crissiumal

– Artilheiro: Pedro Moreira, do Pedro Osório Galera

– Goleiro menos vazado: Christian Dick, da AERC Juventus

Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-12 – AERC Juventus foi a campeã
Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-12 – Pedro Osório Galera foi a vice-campeã
Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-12 – Christian Dick, goleiro menos vazado
Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-12 – Pedro Moreira, artilheiro

 

 >>> CATEGORIA SUB-13 (2007)

– Campeão: AERC Juventus, de Teutônia

– Vice-campeão: ALE/CE Lajeadense

 3º lugar: SERC Chimarrão, de Estância Velha

– 4º lugar: CFA Manchister, de Palhoça (SC)

– Artilheiro: João Pedro Brandão Dullius, da AERC Juventus

– Goleiro menos vazado: Diego Wilsmann, da AERC Juventus

Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-13 – AERC Juventus, campeã
Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-13 – Lajeadense, vice-campeão
Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-13 – Diego Wilsmann, goleiro menos vazado
Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-13 – João Dullius, artilheiro

 >>> CATEGORIA SUB-14 (2006)

– Campeão: EC São José A, de Porto Alegre

– Vice-campeão: EC Novo Hamburgo, de Novo Hamburgo

 3º lugar: SERC Chimarrão, de Estância Velha

– 4º lugar: EC Cruzeiro, de Porto Alegre

– Artilheiro: Kauan Victor Ortiz, do SERC Chimarrão

– Goleiro menos vazado: Alexsandro Souza, do EC São José A

Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-14 – São José A, campeão
Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-14 Novo Hamburgo, vice-campeão
Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-14 – Alexsandro Souza, goleiro menos vazado

 >>> CATEGORIA SUB-15 (2005)

– Campeão: EC São José B, de Porto Alegre

– Vice-campeão: AERC Juventus, de Teutônia

 3º lugar: EC Cruzeiro, de Porto Alegre

– 4º lugar: EC Novo Hamburgo, de Novo Hamburgo

– Artilheiro: Wendel Ramos, da AERC Juventus

– Goleiro menos vazado: Guilherme Dorneles Costa, do EC São José B

Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-15 – São José B, campeão
Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-15 – AERC Juventus, vice-campeã
Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-15 – Guilherme Dorneles Costa, goleiro menos vazado
Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-15 – Wendel Ramos, artilheiro

 >>> CATEGORIA SUB-16 (2004)

– Campeão: CFA Manchister, de Palhoça (SC)

– Vice-campeão: SER Caxias, de Caxias do Sul

 3º lugar: EC Novo Hamburgo, de Novo Hamburgo

– 4º lugar: AERC Juventus, de Teutônia

– Artilheiro: Kevin Gabriel Pereira, do ALE/CE Lajeadense

– Goleiro menos vazado: Mateus Sampaio, do CFA Manchister

Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-16 – CFA Manchister, campeão
Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-16 – SER Caxias, vice-campeão
Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-16 – Mateus Sampaio, goleiro menos vazado

 >>> CATEGORIA SUB-17 (2003)

– Campeão: GE Brasil, de Pelotas

– Vice-campeão: EC Novo Hamburgo, de Novo Hamburgo

 3º lugar: GE Bagé, de Bagé

– 4º lugar: SER Caxias, de Caxias do Sul

– Artilheiro: Jean de Lima Luna, do GE Bagé

– Goleiro menos vazado: Vitor Belle, do GE Brasil

Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-17 – GE Brasil, campeão
Foto: Édson Luís Schaeffer
Sub-17 – Vitor Belle, goleio menos vazado

CRÉDITOS DO TEXTO: Édson Luís Schaeffer